Banner Anúncie na Freebike - Topo

Autárquicas 2017 - Inquérito sobre Políticas e Propostas para a Mobilidade em Bicicleta Destaque

A MUBi - Associação pela Mobilidade Urbana em Bicicleta enviou às forças políticas candidatas às eleições autárquicas de 2017 nos 24 municípios portugueses com mais de 100 mil habitantes*, um inquérito questionando-as acerca das suas políticas e propostas para a mobilidade em bicicleta.

Tal como no trabalho desenvolvido aquando das eleições legislativas de 2015, pretende obter-se e dar-se a conhecer aos cidadãos a posição de cada força política, nestes municípios, sobre questões prementes da mobilidade sustentável, mobilidade em bicicleta e redução do perigo rodoviário. É também objectivo do inquérito, descrever e divulgar as políticas e propostas concretas que desejam implementar durante a próxima legislatura autárquica, 2017-2021, no sentido de “devolver” as áreas urbanas às pessoas e promover a utilização da bicicleta no respetivo município.

As respostas, assim como a sua ausência, serão publicadas durante a Semana Europeia da Mobilidade, que decorre entre 16 e 22 de Setembro.

A utilização da bicicleta como meio de transporte é uma realidade cada vez mais presente em Portugal, em especial nas áreas urbanas. As deslocações de bicicleta são uma forma de potenciar o crescimento e sustentabilidade do país, com claros benefícios para os cidadãos, a saúde pública, o ambiente e a economia.

Apesar da existência de directivas e programas de financiamento europeu para a mobilidade activa e sustentável, e dos objetivos e compromissos do governo português também nesse sentido, a responsabilidade de implementar com sucesso, ou não, medidas conducentes ao aumento da mobilidade urbana em bicicleta é fundamentalmente das autarquias.

A MUBi considera que é tempo dos municípios apostarem corajosamente em formas ativas de mobilidade, das quais a bicicleta é um exemplo, e de proporcionarem às populações que servem, redes abundantes de vias cicláveis e parqueamentos adequados para velocípedes, redução do volume e velocidade do tráfego motorizado em meio urbano e do perigo rodoviário, medidas de promoção, divulgação e apoio da mobilidade activa, contribuindo para uma maior qualidade de vida para todos.

Há dados sobre a realidade Portuguesa que se constituem como incentivo para os municípios assumirem compromissos transparentes, mensuráveis, atingíveis e aplicáveis em tempo útil. Destacamos os seguintes:

- Estima-se um aumento médio de utilização da bicicleta na UE de 7,4% para 15% entre 2014 e 2020;

- Estima-se a criação de riqueza e emprego dos atuais 655.000 empregos associados à bicicleta para mais de 1 milhão de empregos;

- Estima-se a criação (na Europa) de 200.000 novos empregos que serão gerados na área do cicloturismo, uma área pouco desenvolvida em Portugal e com grande potencial de crescimento;

- A indústria portuguesa da bicicleta é a maior exportadora de bicicletas da Europa, exporta anualmente €315 milhões, com elevado valor acrescentado e é uma forte fonte de criação de emprego para o país: Portugal é o 3º maior produtor de bicicletas e acessórios da Europa, e um dos 10 primeiros do mundo;

- Os fundos comunitários disponíveis para o apoio ao setor da mobilidade ativa (andar de bicicleta e a pé) representam mais de €2 mil milhões no quadro comunitário 2014-2020;

- A utilização da bicicleta contribui para maior eficiência e autonomia energética em Portugal. Um terço de toda a energia consumida pelo país é utilizada em transportes, 99,8% de origem em combustíveis fósseis, na locomoção de automóveis;

- A utilização da bicicleta contribui o cumprimento das metas ambiciosas acordadas no Protocolo de Paris em 2015, e Marraquexe em 2016;

- A utilização regular da bicicleta está associada a diminuição significativa do risco de doenças cardiovasculares e diversos tipos de cancro.

*Almada, Amadora, Barcelos, Braga, Cascais, Coimbra, Funchal, Gondomar, Guimarães, Leiria, Lisboa, Loures, Maia, Matosinhos, Odivelas, Oeiras, Porto, Santa Maria da Feira, Seixal, Setúbal, Sintra, Vila Franca de Xira, Vila Nova de Famalicão, Vila Nova de Gaia.

http://mubi.pt/ 

Modificado emquinta, 13 julho 2017 13:08

Deixe um comentário

Certifique-se que coloca as informações (*) requerido onde indicado. Código HTML não é permitido.

voltar ao topo

 

Sponsor Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1  Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1 Sponsor #1
×

Subscreva a nossa Newsletter!

Seja o primeiro a receber as nossas novidades.

Consulte os nossas Políticas de Privacidade & Termos de Utilização
Pode deixar de receber a nossa newsletter a qualquer momento